quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

ENTRE GERAÇÕES 1

Ela já havia mencionado uma ou outra piada de Chaves. Mas eu presumi tratar-se de uma gafe del Presidente Chávez – uma dessas que faz a delícia de la derecha latinoamericana.

Mas agora há algo que a Kaká me conta sobre um Seu Madruga, sobre a ética desse Seu Madruga, que me interessa. Algo sobre a futilidade da vingança.

Lux: me explica?
Kaká: explicar o que, lux?
Lux: quem é seu madruga?
Kaká: não sabe quem é seu madruga? :-o
Lux: não
Kaká: nunca viu chaves?
Lux: que chaves?
Kaká: no sbt?
Lux: não
Kaká: não sabe o que é chaves? :-o
Lux: sei que é um seriado mexicano. mas nunca assisti
Kaká: tá bom. é assim. o chaves mora numa vila
Lux: sim?
Lux: e então?
Kaká: ah, não vou explicar, lux. não vale a pena. é muito tosco
Lux: please? :-)
Kaká: nope

Quero muito deixar-me inspirar pela sabedoria do Seu Madruga. Mas se para tanto tenho que, en la mitad del camino de mi vida, assistir a Chaves – no, gracias!

Alguém se habilita a me dar o resuminho?

6 comentários:

Too-Tsie disse...

É bem simples, gata! Talvez essa simplicidade é que cativa tanta gente.
Na vila mora o Chaves no barril, um mendigo, um órfão, garoto muito inocente. Nessa mesma vila moram os personagens principais: Dona Florinda com seu filho Kiko, Seu Madruga com sua filha Chiquinha, e Dona Clotilde que as crianças apelidaram de bruxa do 71.
Seu Madruga é desempregado, vive de bicos e por isso sempre atrasa o aluguel cobrado pelo Senhor Barriga, dono da vila e pai de Nhonho.
Dona Florinda se eu não me engano é viúva, assim como Seu Madruga, ela namora o Professor Girafales, que leciona para as crianças da vila.
A solteirona Clotilde é apaixonada pelo Madruga, mas ele só tem olhos para a vizinha nova da vila.
Ahh, e seu Madruga vive apanhando de Dona Florinda por causa do Kiko.
Basicamente é isso, desculpe os erros, teclando do celular não é muito prático, mas to devidamente deitadinho na cama.

ludo diniz disse...

É isso aí too-tsie.
Só acrescento q a D. Florinda é viuva de um militar e como recebe uma gorda pensão, é a mais rica dentre os moradores da vila.

Chaves é puro. Não tem maldade. E é um destruidor de concorrência. Sempre que um programa balança as pernas o SBT enfia o Chaves no lugar e garante o 2º lugar no ibope.

Sou suspeito. Mesmo sem ver já faz um tempo, ainda sei alguns episódios de cor e salteado.

O episódio de Acapulco é um clássico, e está completo no Youtube.
http://www.youtube.com/watch?v=rzrqdcgNGGw

Gui disse...

E a bola quadrada?
Ele era tao inocente que o Kiko diz que alguém viajaria e traria uma bola quadrada de presente.
E todos passam o episodio inteiro sonhando e esperando a tal bola.

Diário de Eliana Malizia cha cha cha disse...

Olha não da pra acreditar que alguém não tenha assistido o CHAVES...lembro que acordava cedo pra ir pra escola, almoçava e logo depois assistia o Chaves, não perdia um . E ainda lembro que pela tarde assistia a reprise, vem até o gostinho do pão quente e chocolate gelado que fazia companhia ao assistir Chaves.. e Chapolin? Você já assistiu?

Eu ri muito lendo essa conversa com seu amigo;

Lux: me explica?
Kaká: explicar o que, lux?
Lux: quem é seu madruga?
Kaká: não sabe quem é seu madruga? :-o
Lux: não
Kaká: nunca viu chaves?
Lux: que chaves?
Kaká: no sbt?
Lux: não
Kaká: não sabe o que é chaves? :-o
Lux: sei que é um seriado mexicano. mas nunca assisti
Kaká: tá bom. é assim. o chaves mora numa vila
Lux: sim?
Lux: e então?
Kaká: ah, não vou explicar, lux. não vale a pena. é muito tosco
Lux: please? :-)
Kaká: nope

Lux: me explica?
Kaká: explicar o que, lux?
Lux: quem é seu madruga?
Kaká: não sabe quem é seu madruga? :-o
Lux: não
Kaká: nunca viu chaves?
Lux: que chaves?
Kaká: no sbt?
Lux: não
Kaká: não sabe o que é chaves? :-o
Lux: sei que é um seriado mexicano. mas nunca assisti
Kaká: tá bom. é assim. o chaves mora numa vila
Lux: sim?
Lux: e então?
Kaká: ah, não vou explicar, lux. não vale a pena. é muito tosco
Lux: please? :-)
Kaká: nope

Lúcia BL disse...

Resposta:

queridíssimos, muito obrigada pelos resuminhos!

alguém se lembra em que situação o seu madruga disse "a vingança nunca é plena, mata a alma e envenena"?

pareceu-me uma forma muito madura de falar sobre a vingança. imagino que outros programas infantis façam uma abordagem bem mais simples e maniqueísta: vingança é algo que uma pessoa do bem não faz. ponto.

eliana, lindíssima: nunca assisti a chapolin. chaves e chapolin são programas infantis, não? enquanto você tomava esse todinho eu estava na faculdade ou mesmo no trabalho. eu sou quinze anos mais velha do que você :-)

você já havia falado sobre esses seriados comigo? porque se você falou algo como "isso lembra xyz do chaves, eu provavelmente concluí que você falava do presidente chávez da venezuela :-)

e assistir a chaves ou a chapolin hoje... não rola, né? às vezes revejo programas que eu assistia na minha infância - eu o faço apenas para "revisitar" a minha própria infância; para, como você falou, vir "o gostinho do pão quente e chocolate gelado". mas não gosto mais dos programas em si. há duas exceções: i love lucy (que era para adultos) e scooby-doo.

talvez porque eu gostasse de cada coisa trash... olha isso:

http://www.youtube.com/watch?v=K-28xJaa7gc

dos programas infantis de hoje só gosto de meninas superpoderosas e madeline. aliás, como você sabe, eu tenho uma boneca madeline no meu quarto :-)

beijos

Alberto Pereira Jr. disse...

adoro chaves, cresci assistindo.. e vez ou outra quando dá assisto.

O seu madruga pode ser entendido como uma metáfora aos mexicanos e brasileiros de pouco estudo, sem emprego e que vivem de bico.. não tem maldade.. atrasa o aluguel, não porque é malfeitor, mas porque nem sempre tem o dinheiro, ou quando o tem quer usá-lo para agradar sua filha ou investir em algo que renda mais..