quinta-feira, 20 de março de 2008

ASSIM SOU SE LHE PAREÇO

Reflexões sobre eu e o álcool, 2

Yo, I'll tell you what I want, what I really, really want: Água. Mas não vou insistir nisso porque, como diria Carl G. Jung, aquilo a que eu resisto, persiste – e como persiste!

Às vezes você aceita que eu vou beber a minha água, e apenas a minha água. Mas, logo me dou conta, é porque você presume que estou grávida, que sou evangélica ou muçulmana, the designated driver (a amiga da vez?), uma alcoólatra em recuperação – ou que tomei uma bala.

Por que outro motivo uma pessoa não beberia álcool?

Um lado meu até quer explicar, não para me justificar, mas porque quero que você conheça a minha essência. Mas um outro lado, talvez mais pragmático, apenas entende que o nosso é um mundo de aparências. E que, parafraseando Luigi Pirandello, assim sou se lhe pareço.

A trilha sonora desse post é o delicioso samba-rock Eu Bebo Sim, interpretado pela divina Elizeth Cardoso. Se você pensa que esse tipo de propaganda do álcool ficou nos anos 70, pense em Rehab de Amy Winehouse, Lived in Bars de Cat Power, ou em Cachaça, de Carlinhos Brown (aqui na interpretação da Timbalada).

5 comentários:

Alexandre Lucas disse...

No, no, no...

Ah, tá bom! disse...

As vezes bebo só energético durante a noite. Parece uma ofensa as pessoas (e é, se vc está numa festa de um amigo). Entao bebo pra acompanhar.

Eu tenho uma amiga bem querida que parece viver num filme dos anos 50,60. Sabe aqueles filmes em que se oferece wisky e outras bebidas logo pela manhà? Em que se sempre há um bar generoso e todo mundo bebe socialmente a qualquer hora?

Incrivel... Fiquei com vontade de visitá-la.

BHY disse...

E todos os lados mostram o avesso. Todos percebem, de menos nós.
;-)

Marilia Lamberti disse...

Eu Bebo Sim.
Mas por muitas vezes, sem que ninguém presumisse, eu poderia ter sido a "amiga da vez", sem nem conhecer a campanha.
Detalhe: O Amigo da Vez foi lançado em Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo, em 2000.

Alberto Pereira Jr. disse...

eu bebo sim.. e estou vivendo.. tem gente que não bebe e está morrendo...

beber tem q ser sempre uma opção.. coagir o outro a qualquer ato é imoral...